Crónicas Matinais

[ segunda-feira, outubro 20, 2003 ]

 

Mais uma coisinha, é a última ...juro!

Aquela senhora jornalista, Inês, Inês qualquer coisa, que é filha de um advogado e tudo, não é uma senhora que está sempre a dizer mata e esfola e assim? E que quer sempre a verdade e doa a quem doer e mais não sei o quê?
É que se é, olha, felizmente está muito mudada. Se calhar é devota da nova beata , porque , ouvi-a eu com estes que a terra há-de comer ( quer dizer, eu queria era ser cremada, mas isto agora não interessa nada, como diz aquela senhora do, enfim ...) , ouvi-a eu, a dizer que é uma pouca vergonha o que os jornais estão a fazer ; que o senhor do tal partido, coitado, estava só a defender um amigo , pobrezito- um inocente! ( disse ela, que disse!) e que mais não sei quê, que era uma pouca vergonha e que se deve entender ; e os amigos e a inocência e...

Ai. Lá estou eu sem perceber nada. Ainda por cima, tenho a certeza, agora o meu pai vai-me dizer:
« Vês? tu és uma ingrata ; se fosses uma boa filha, fazias como a Inezinha...e defendias o paizinho»...

Ana [10/20/2003 12:06:00 da tarde]