Crónicas Matinais

[ quarta-feira, abril 14, 2004 ]

 

Pavese

Pois cá estou eu, um ano e cinco dias depois, a alimentar o blog.
Mas...não vou falar de nada. Vou só repartir um pensamento: Desconfio sempre de quem não gosta ou não conhece Cesare Pavese. Ide, ide ler, por exemplo, o «Tra Donne Sole» o «Among Women Only» para quem tiver a tradução inglesa. Garanto que ides gostar. [ e jé que estais com a mão na massa...levai para casa também o « Diavolo Sulle Colline,La Bella Estate» ( Devil in the Hills ) ou o maravilhoso «La Luna e il Falò» ( The Moon and the Bonfire), por exemplo. E os poemas, senhores!!! Procurai os poemas todos! Deixo aqui um grátis:]


Lo spiraglio dell´alba
respira con la tua bocca
in fondo alle vie vuote.
Luce grigia I tuoi occhi,

dolci gocce dell´alba
sommergono le case.

La cittá abbrividisce,
odorano le pietre –

sei la vita, il risveglio.

Stella sperduta
nella luce dell´alba,
cigolio della brezza,
tepore, respiro –
é finita la notte.

Sei la luce e il mattino


Ai!...

Ana [4/14/2004 12:43:00 da tarde]